Como criar um blog através do word press?

Conteúdo do artigo

Saber como criar um blog através do wordpress pode ser a melhor chance de começar o seu negócio sem gastar muito.

Afinal, a plataforma permite que você comece a criar a sua página online de graça, o que atrai muitos iniciantes.

Além disso, a plataforma conta com diversas opções de templates gratuitos e plugins, para que você otimize o funcionamento da sua página.

Então, separamos esse post com um passo a passo simplificado para você começar agora mesmo.

Preparado?

1. Defina qual será o seu negócio

Antes de mais nada, é importante ter em mente qual será o negócio que você vai começar.

Portanto, é interessante já começar a pensar no seu nicho de mercado, que se refere ao tema central desta página que você vai criar.

A escolha do nicho é de extrema importância, já que funciona como o grande centro ou pico de todo o seu negócio.

Não à toa, um curso online sobre negócios na internet pode ajudar no processo de escolha ou mesmo facilitar o conhecimento diante das opções.

Isso porque, existem diversos tipos de nichos diferentes e, dentro desses nichos, há mais opções de temas que você pode considerar interessante.

Por exemplo, o nicho de saúde conta com temáticas relacionadas a sobre peso e obesidade, doenças, dietas e reeducação alimentar, atividade física, etc.

Então, você pode escolher um tema geral e tratar de diversos assuntos ou focar em um tema mais direto, e explorar as possibilidades.

Seja como for, avalie o seu interesse e a possibilidade de lucratividade desse nicho, incluindo as tendências e palavras-chaves que estão em alta.

2.Primeiro acesso nos passos de como criar um blog através do word press

No primeiro acesso a plataforma, pode ser que você fique um pouco confuso diante de tanta informação, principalmente se for um iniciante.

Entretanto, é essencial manter a calma e ter em mente que se trata de algo novo, mas que não é nenhum bicho de sete cabeças.

Inicialmente, você terá que escolher entre o wordpress.com e wordpress.org.

Em síntese, a opção “.com” é mais simplificada, eliminando uma série de etapas complicadas do processo.

Isso porque, você vai baixar o aplicativo, instalar no servidor e pronto, as demais configurações são feitas meio que de forma automática.

O problema é que isso traz uma menor possibilidade de customizar a sua página, o que é parte importante da construção de uma identidade.

Por isso, a recomendação é escolher o “.org”, que é mais completo.

3. Domínio e hospedagem

Agora é hora de dar os próximos passos em relação ao seu negócio.

Sendo assim, tudo começa com a escolha de um domínio, sendo que a sua opção deve estar livre para uso.

Para isso, você deve avaliar o seu nicho e considerar opções que sejam fáceis de lembrar, mas que tenham algum impacto para o público.

Por exemplo, suponha que você vai criar um site referente a cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, etc.

Então, você pode pensar em domínios como:

·         Creditoagora

·         Dinheironaconta

·         Dinheirofacilerapido, etc.

Inclusive, você pode utilizar a página Registro para verificar domínios que ainda estão disponíveis.

Já a hospedagem, é um assunto um pouco mais complicado.

Isso porque, a hospedagem se refere ao lugar onde o seu site vai ficar guardado, como um tipo de cartão de memória.

Uma boa hospedagem acelera o tempo de abertura, melhora a funcionalidade, permite que você adicione mais imagens e vídeos aos conteúdos, entre outras vantagens.

Justamente por isso, investir financeiramente em hospedagens é uma boa escolha.

Porém, no processo de como criar um blog através do word press, você descobre que também pode começar gratuitamente, o que limita um pouco a sua ação.

Então, avalie o que é melhor para você agora, já que, mais tarde, você pode mudar de ideia.

Caso opte por contratar uma hospedagem, avalie qual das opções de mercado são realmente viáveis a custo-benefício.

4. Como criar um blog através do word press – Hora da prática

Depois dos passos anteriores, você já pode baixar o wordpress acessando a página em português.

Em seguida, você precisa acessar o CPanel do seu Servidor e descompactar o arquivo, optando pela funcionalidade “Fale Manger”.

Depois, utilize a funcionalidade “MySQL” para criar um banco de dados.

Vale destacar que esse processo é direcionado para casos onde você tem um servidor, mas se optar pelo sistema gratuito, dá para pular essa primeira parte.

Enfim, se seguir com esse passo-a-passo, será preciso fazer a instalação através dos seguintes passos:

·         Faça uma cópia do arquivo wp-config-sample.php, localizado no seu computador;

·         Mude o nome para wp.config.php;

·         Abra o arquivo em um editor textual;

·         Substitui as palavras pelas informações do banco de dados criado, “nome_do_banco_de_dado”, “nome_de_usuario_aqui” e “senha_aqui”;

·         Então, envio o arquivo do passo 2 para a pasta raiz, onde estão os demais arquivos no servidor.

5. Desenvolva o seu site

Para finalizar, todo curso online ensina que a parte de criação de uma identidade visual é essencial para o negócio, então, é hora de colocar a mão na massa.

Desse modo, é preciso acessar o site e começar o processo de definição da aparência, escolhendo o tema e personalizando-o.

É interessante destacar que, neste passo, é essencial ter em mente qual é a imagem que você quer transmitir, cores ideais, títulos e assim por diante.

Ainda que seja um processo mais intuitivo e criativo, fique atento às sensações que as suas escolhas podem transmitir.

Depois de finalizada a parte estética, você já pode dar início a postagem de conteúdos e marketing da sua estrutura online.

Inclusive, se estiver na dúvida sobre esse processo, vale a pena fazer uma pesquisa antes.

Veja quais são os templates mais usados pelos seus concorrentes, cores e até fontes e use isso como inspiração, mas nunca copie.

Seja diferente daqueles que já estão no mercado.

Por fim, você ainda tem alguma dúvida ou gostaria de saber mais?

Comenta aqui embaixo o que achou desse passo a passo de como criar um blog através do word press, deixe duas dúvidas ou compartilhe a sua experiência.

Inclusive, se quiser saber mais sobre outro assunto, deixe a sua dica para os próximos conteúdos.

Grande abraço e até o próximo post!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.

Content Pruning – SEO

Resumo do Content Pruning O processo de remoção de conteúdo envolve a remoção de conteúdo obsoleto e de baixo desempenho que está atrapalhando a qualidade

Guia para o Google Core Web Vitals

O Google Core Web Vitals é mais um esforço do Google para avaliar a qualidade da experiência do usuário de um site, melhorando e desenvolvendo